share

Biografia Elton John

Biografia Elton John
A trajetória da carreira de Elton John em capitulos

slideshow - MUTE , No sound

quinta-feira, 23 de junho de 2011

Biografia Elton John parte 005 Bitter Fingers




A Trajetória do cantor Britânico Elton John e seu letrista Bernie Taupin
ao longo de 06 Décadas, através de imagens, áudios, vídeos, textos e animações.



























Elton John Documento
 Capítulo 05 Prefácio:                                       

  

ELTON JOHN, BLUESOLOGY E A INFLUÊNCIA DA MÚSICA NEGRA NORTE-AMERICANA
  
A banda Bluesology foi um grupo que reproduzia o elemento predominante da década de 60: A música negra norte-americana. Blues, R&B, Soul, Rock, Pop e Jazz

Como na década anterior, onde legendários artistas como Mahalia Jackson, Louis Armstrong, Ray Charles, Aretha Franklin, Little Richard, Luther Vandross, James Brown, Ella Fitzgerald, Ma Rainey, Bessie Smith, Miles Davis, John Coltrane, B.B. King e Duke Ellington, entre tantos outros , a década de 60 deu continuidade ao domínio da black  music, no mundo onde ocorreu o movimento rhythm & blues inglês no inicio da década de sessenta.


Apesar dos elementos presentes hoje na black music serem diferentes daquele período, a música negra domina o mercado musical desde a década de 50.

Nesse capítulo 05 de Elton John Documento você leitor poderá observar  entre os diversos vídeos de artistas aos quais a banda Bluesology serviu como banda de apoio que todos, sem exceção, são artistas negros em tour pela Europa que deixaram os Estados Unidos mediante sua popularidade pelo mundo.
Jimmy Whiterspoon
Major lance , Patty LaBelle, Doris Troy, Bilie Stuart, Ink Spots, Wilson Picket...

Major Lance

Bluesology foi parte de um movimento de bandas Britânicas de blues entre os quais predominaram Rolling Stones, The Animals, sendo o fundamento de
The Beatles assim como quaisquer outras bandas de cantores brancos na Europa.

Elvis Plesley

Nota: A canção "Who Wears These Shoes"do álbum de Elton John BREAKING HEARTS é uma homenagem da dupla ao sucesso de Elvis da década de 50:

"Blue Suede Shoes"

Anteriormente, Elvis Presley, era o homem branco que cantava como um negro, se mexia como os negros e tocava as músicas dos negros, moldado a ser , pela mídia, a opção ideal para a juventude branca que já dançava, como nos raps de hoje, a black music, sem serem discriminados pelos pais. O Rock foi originado da black music.



Assim essa influência  se estende até hoje, seja na década de 50, 60 70 com o apogeu e queda da MOTOWN, selo dos maiores cantores negros como Diana Ross  and The Suprems, Mavin Gaye, Jackson Five, entre dezenas, com suas letras amenizadas , sem citações aos movimentos ou luta de direito civis dos mesmos, a fim das canções serem consumidas pelo público em geral, onde Steve Wonder é, até hoje, o cantor de maior número de canções em 1º lugar, ou na década de 80 com Michael Jackson sendo detentor do álbum mais vendido da história: mais de 100 milhões de discos, com Thriler , um recorde que nos dias mp3 de hoje nunca mais será superado

Doris Troy

                                

A influência dessas canções na carreira de ELTON JOHN sempre esteve presente, desde o inicio de sua carreira. Ao desembarcar nos Estados Unidos ele usou selos de distribuição de cantores negros antes de ingressar na MCA RECORDS. Suas canções iniciais são black music: BAD SIDE OF THE MOON, TAKE ME TO THE PILOT... As de seu apogeu, também: BENNY AND THE JETS, PHILADELPHIA FREEDOM, assim como na década de 80 com temas gospel como o de  DEAR GOD, ou o puro funk de WRAP HER UP ou na de 90 com AMAZES ME, ou AIDA, com predomínio também de astros da black music.



Bluesology nada trouxe de valor ao ambiente da década em que viveu. Stuart Brown seu cantor principal imitava seus ídolos musicais a ponto de não ter originalidade para conseguir destaque na carreira.



Muitos entraram e saíram da banda Bluesology, mas poucos conseguiram afirmação. ELTON DEAN, que deu origem a seu nome artístico foi um dos que conseguiram destaque, assim como MARSHA HUNT.



Mas não importa qual seja nosso destaque na história, estamos aqui para sermos protagonistas... não para sermos, apenas, mais um na platéia.

Robson Vianna





Elton John cantou com vários de seus ídolos ou influências durante sua longa carreira. Um deles foi o Mestre Ray Charles, nesse álbum "DUETS" onde interpretaram a canção de John, "Sorry Seems To Be The Hardest Word"

Come back baby , a primeira canção de Reg Dwight no primeiro compacto do Bluesology foi uma homenagem à Ray Charles que tinha uma canção com o mesmo nome.


The Ink Spots


 Patty Labelle

PHILADELPHIA FREEDOM foi uma das clássicas canções de Elton John cheia de elementos da Black Music, desde o vocal mais grave , a batida marcante do R&B , entre diversos elementos caracteristicos. 




 De todos os álbuns de Elton John, ICE ON FIRE foi o que conteve mais elementos de música negra:

THIS TOWN, SOUL GLOVE, WRAP HER UP.

Apesar de ter outros elementos musicais  som Black predominou







Elton John foi o primeiro artista branco na história a conseguir entrar nas paradas de BLACK MUSIC, com a canção BENNIE AND THE JETS






CAPÍTULO 05: "Bitter Fingers"

...E eu olho para o alto e vejo o céu vazio...

Se eu pudesse...

...se eu pudesse voar...

(Trecho faixa do álbum título: ‘Empty sky”)



http://thumbs.dreamstime.com/thumblarge_553/128874604615H25R.jpg

 Bitter Fingers (Dedos Doloridos) é faixa do álbum biográfico "Captain Fantastic and the Brown Dirt Cowboy" e se refere ao esforço que Reg Dwight realizava ao tocar com um piano não amplificado durante as apresentações suas com a banda BLUESOLOGY, no inicio da carreira.

 http://3.bp.blogspot.com/-OxJdUyEAN1A/TWBd7LrVzGI/AAAAAAAAJ_w/JGXGhd137_g/s1600/1229018751_resized.jpg

A vida seguia seu rumo. Reginaldo continuava estudando piano e tocava as canções que gostava, mas nem tudo estava bem em casa.

Na escola ele começava a fazer amizades. Sheila continuava colocando o rock´n roll na cabeça do filho e ele tirava partido disso mesmo sabendo que seu pai não aceitava esse tipo de coisa. Como já não conseguia mais controlar o filho e sabia que Sheila não o apoiava na rígida educação que desejava dar a Reg, Stanley desabafava sobre ela com brigas cada vez mais violentas. Reg não suportava aquilo e passava cada vez mais tempo fora de casa. Ia até a casa de amigos que gostavam de vê-lo tocar, pois tinham o mesmo gosto musical.


Reg desabafava, às vezes, com seus amigos tudo que acontecia. Ele por sua vez, tinha medo de entrar em casa e presenciar mais discussões. Sabia que, um dia, algo deveria acontecer e traria paz para seu lar.

E o inevitável ocorreu: Sheila e Stanley finalmente se separaram e se divorciaram. Tudo aconteceu tão rapidamente que, mesmo já esperando por isso, Reg ficou profundamente traumatizado com a separação dos pais.



Tinha 10 anos na época e para ele foi difícil de aceitar.



Sheila foi obrigada a assumir que era adúltera (*) e teve que pagar todo o processo. Aquilo revoltou ainda mais o garoto, que já sabia dos casos amorosos que seu pai tinha fora de casa. Jamais perdoou o pai pela atitude hipócrita que assumiu durante o processo.

* Fonte desse parágrafo:
A Biography In Words And Pictures
A Biography In Words And Pictures

Author: Shaw, Greg
Published by Chappell and Co., Ltd.
ISBN:0128223-315
Year: 1976
56 pages, softcover


Foi uma das barreiras mais difíceis que Reg teve que enfrentar em sua ainda tão curta vida.



Depois da separação dos pais, Reg passou a usar e abusar de seus direitos de criança, livre. Sheila continuou a enchê-lo de zelos e... doces, os mais variados, dos quais ele não abria mão. A comida era um meio de compensá-lo de suas frustrações e já começava a ter problemas de peso. Engordou prodigiosamente, até demais para sua idade e,na escola, acabou tornando-se motivo de chacotas entre seus colegas. Por isso se em casa era feliz, fora dela tinha inibições e complexos, diferentes dos demais.



Aos doze anos entrou para a tão sonhada Academia Real de Música. Com essa mesma idade tocou alguns clássicos do piano em um festival de música local , incluindo Les Petites Litanie de Dieu de G. Grouvlez,  e ganhou um prêmio pela melhor apresentação.

Ele gostaria ter tocado canções POP, mas ficou contente por ter tido uma chance de se apresentar para um público maior.

Reg era uma criança estudiosa. Ia muito bem na escola. Mostrava progressos na Academia e, nessa época, a música se tornaria uma obsessão tão grande que logo abandonaria os estudos. Seu interesse era tocar por si mesmo em salas de música ou pubs locais, onde poderia entreter com suas apresentações tipos diferentes de pessoas.



De inicio ele queria formar um grupo de “skiffle”, mas tinha um problema: Não havia piano em “skiffle” e era necessário, como Rod havia dito, ter pelo menos 13 anos para poder tocar em público e , assim, teve que esperar mais alguns messes.

Skiffle

O skiffle foi um tipo de música jazz, popular entre a juventude na década de 1950. Os grupos de skiffle usavam instrumentos improvisados, como tábuas de lavar roupa e garrafas, para dar às canções folk e melodias simples um ambiente rápido e rítmico

os Beatles no início de suas carreiras musicais, quando John Lennon ainda tocava numa banda chamada the Quarrymen, usavam contra baixo skiffle. que nada mais era do que um cabo de vassoura preso à uma caixa de chá (tea chest bass).






Depois desse prazo, com mais alguma experiência na academia, Reg formou aquele que seria seu primeiro grupo: THE CORVETTES.



Não foi fácil de começar. Ele foi pedir ajuda a um amigo que tocava guitarra muito bem. Reuniu toda sua coragem e durante um intervalo de aula, expôs sua idéia a STUART BROWN.


Stuart não estava muito disposto a levar adiante aquele plano, mas já que não estava fazendo nada mesmo, por que não ouvir Reg?



Foram até a sala de música e Reg tocou algumas das canções mais famosas de Jerry Lee Lewis.  Mesmo vendo a expressão do rosto de Stuart mudar a cada canção, Reg não parou e sabia que venceria aquela batalha. Quando não tinha mais nada para tocar, ele parou, e olhou para o colega, esperando uma resposta. Stuart sorriu:



- Você é FANTÁSTICO !



Reg sorriu também, pois já sabia disso.



Daquele dia em diante os dois começaram a se reunir e tocar juntos e formaram THE CORVETTES, nome de um modelo de automóvel muito popular na época e chamaram um outro amigo Geoff Dyson, que tocava baixo.  Tocavam em festas de crianças e adolescentes. Stuart levava isso apenas como passatempo e a dupla terminou, pouco tempo depois.



Com quatorze anos, surgiu para Reg uma nova oportunidade de mostra tudo aquilo que sabia: arranjou um emprego em  um pub em Londres: Northwood Inn. Todas as quintas, sábados e domingos, ganhando 01 libra por semana, cantava e tocava números de JIM REEVES e Cliff Richard , muito popular na época e também tocava canções como Roll Out The Barrel, canções de  Cockney “ When Irish Eyes Are Smiling...” e canções de Al Jolson, nos intervalos, passava uma cesta, para que os ouvintes colocassem nela alguma gorjeta. Conseguia fazer, assim, 25 libras semanais. Reg conseguiu juntar dinheiro para comprar um piano elétrico, primeiro investimento feito com o dinheiro ganho por seu trabalho.

http://www.johnrexreeves.com/jim02.jpg

Jim Reeves


Cliff Richards têm vendagem de discos superior a de Elton John e foi, também, um de seus ídolos de infância, devido ao seu grande sucesso. Em 1986 gravaram, juntos, a canção SLOW RIVERS para o álbum LEATHER JACKETS.










 Northwood Hills Pub
Local do primeiro emprego de Elton John
Northwood Hills Pub

Como na foto publicada no álbum de 1975 Captain Fantastic.
 Copyright 1975 This Record Co. Ltd.

 Northwood Hills Pub Hoje
Clique para ampliar a imagem. Copyright 2001 OnThisVerySpot.com.





Northwood Hills Tube Station
Como na foto publicada no álbum de 1975 Captain Fantastic.
Copyright 1975 This Record Co. Ltd.




66 Joel Street
Northwood Hills
London HA6 1LL
England

Nesse local em 1965, com apenas 15 anos o jovem Reg Dwight teve sua primeira oportunidade de trabalho nos fins de semana à noite.


Direthwood Hills tube station. Nesse local Reg Dwight pegava o trem para frequentar a Real Academia de Música. Também na Diretheood Hills tube Station , os ainda adolescentes Reg Dwight e Bernie Taupin embarcavam de trem para irem trabalhar juntos como compositores em Denmark Street quando viviam na casa da mãe de Reg, dormindo em uma beliche. Essa é a razão da inclusão da foto da estação de trem no álbum biográfico da dupla em 1975, Captain Fantastic and the Brown Dirt Cowboy.





Certo dia Reg encontrou o velho amigo de escola, STUART BROWN. Dessa vez quem propôs o retorno foi o próprio Stuart. A idéia porém era de tocarem como banda de apoio de cantores que viessem se apresentar em Londres.



Foto: Bluesology.

A banda em 1963 é formada por

Stuart Brown - Guitarra e vocal
Reg Dwight - piano elétrico
Rex Bishop - baixo
Mick Inkpen - bateria

A observar que nessa foto clássica do grupo se encontra Geoff Dyson, o baixista, que saiu do grupo.


1961 – Surgiu o segundo grupo: Bluesology, assim chamado por causa de um disco de DJANGO REINHARD, um guitarrista Francês. A banda é formada por Mick Inkpen na bateria; Rex Bishop no baixo; Stuart Brown na guitarra e Reg Dwight no piano elétrico. O repertório é predominantemente de musica Soul (Black Music).



Elton John:



“Tocávamos músicas de Jimmy Witherspoon como The Times Are Getting Tougher Than Tough e When The Lights Go Out," Reg depois relembra."Nosso líder, Stuart Brown era Fã de  Jimmy Witherspoon, por isso era o que costumávamos tocar... tudo que eu desejava era tocar canções de  Jerry Lee Lewis ou Little Richard."




http://2.bp.blogspot.com/_APQK57UOvuw/TTY9aD9Yx9I/AAAAAAAAC-U/sLSDGfNJMyA/s1600/jimmy_witherspoon_f.jpg







Nos  BOXES informativos abaixo , como esse, informamos mais sobre as influências da Black Music e os artistas aos quais o grupo Bluesology foi banda de apoio em shows pela Inglaterra e Europa



Bluesology era um grupo pouco amadurecido, gastando a maior parte do tempo tocando em locais pouco requisitados, dos quais eram procurados por bêbados , boêmios e prostitutas. Com o tempo isso começou a cansar Reg e ele voltava para casa insatisfeito e desanimado. Sheila percebia isso e tentava ajudá-lo.



Stanley, apesar de não morar na mesma casa, sabia de quase tudo que seu filho fazia e,  ao tomar conhecimento das suas atividades artísticas, escreveu uma carta furiosa à ex-mulher, alegando que ela estava levando o garoto a se perder, deixando-o afastar-se da escola e envolvendo-se com o mundo de vagabundos e que logo ele se tornaria parte da juventude transviada. Exige que o filho realize uma entrevista de emprego em um banco o Barclay ou no BEA, onde Stanley tinha amizades.

 http://s0.geograph.org.uk/geophotos/01/17/19/1171938_3d71500b.jpg

Reg, obediente,  chegou a fazer a entrevista com conhecidos de seu pai no banco Barclay, mas depois de muita conversa , os próprios amigos de Stanley o convenceram de que o garoto não servia para a coisa.






No próximo capítulo:



Reg Dwight consegue seu primeiro emprego fixo, como BOY em uma gravadora e encontra seu grande incentivador: CALEB QUAYE

http://www.techwebsound.com/images/artists/Caleb%20Quaye.jpg





Menu dos Capítulos

Capítulo 01 clique aqui  Prefácio Pinner
Capítulo 02 clique aqui  Nasce Elton John
Capítulo 03 clique aqui  Nasce Bernie Taupin
Capítulo 04 clique aqui  O vaqueiro Sujo
Capítulo 05 clique aqui  Bitter Fingers ( Bluesology)
Capítulo 06 clique aqui  SURGE LONG JOHN BALDRY
Capítulo 07 clique aqui  O encontro com Bernie Taupin 
Capítulo 08 clique aqui  Torre de Babel
Capítulo 09 clique aqui  Alguém salvou minha vida essa noite
Capítulo 13 clique aqui  Elton encontra o sucesso
Capítulo 16 clique aqui  Surge Davey Johnstone
Capítulo 17 clique aqui  Madman Across The Water
Capítulo 18 clique aqui  Château D´Hierouville
Capítulo 19 clique aqui  HONKY CHATEAU

Deseja ser avisado dos novos capítulos via e-mail? escreva para editor@eltonjohnscorporation.com e solicite o alerta para BIOGRAFIA

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Estamos aqui aguardando seu comentário para essa postagem, fique à vontade:

feed ejc

feed ejc
http://feeds.feedburner.com/EltonJohnsCorporation

map visitors


Elton John´s Pics