share

Biografia Elton John

Biografia Elton John
A trajetória da carreira de Elton John em capitulos

slideshow - MUTE , No sound

domingo, 31 de julho de 2011

Elton John Ranks Number One in Adult Contemporary on Billboard



Elton John Ranks Number One in Adult Contemporary on Billboard

by Shae Lyn

http://entertainment.gather.com/viewArticle.action?articleId=281474979650812

July 16, 2011 11:00 PM EDT
Billboard has recently announced that Elton John AKA Reginald Dwight is number one in adult contemporary music.
John, who has about 30 albums to his credit, has had 16 number one records to date in adult contemporary music. This is a record.
Working in the music industry since 1967, Elton started his career when he was only 15 years old playing piano in the local tavern on the weekends. However, he actually has been playing since the tender age of 3.
John's sales have totaled over 250 million records. He has earned several Grammy Awards, as well as other similar accomplishments. This classifies him as one of the most successful musical artists ever.
Proactive in many charitable events, he has received a knighthood from Queen Elizabeth II herself for his selflessness and hospitality towards others. His time and generosity have helped others not as fortunate live better lives.
A musical icon, congratulations Elton John, you rock.

Croatian cellists on tour with rock icon Elton John


Luka Sulic, left, and Stjepan Hauser, right, are joining rock legend Elton John for worldwide shows. Marcus Selhoff/Sony Classical
Luka Sulic, left, and Stjepan Hauser, right, are joining rock legend Elton John for worldwide shows. Marcus Selhoff/Sony Classical / HANDOUT/BLOOMBERG NEWS

http://www.courier-journal.com/article/20110731/SCENE05/307310030/1046/SCENE/Croatian-cellists-tour-rock-icon-Elton-John?odyssey=mod|newswell|text|Entertainment|s

In January, Luka Sulic and Stjepan Hauser were two cello players ready to embark on a life in the world’s classical music halls. Then they decided to have some fun and record a rendition of Michael Jackson’s “Smooth Criminal” in front of a video camera.
Thousands quickly discovered it on YouTube. A month later, a talent scout from Sony Classical approached the duo with a recording contract. Then Elton John asked them to be the opening act on his current world tour.
“It’s like a miracle, what happened,” said Hauser, 25, in a telephone interview while en route to a Sarajevo gig. “Elton John expressed admiration for our music, and we were honored because he’s a living legend. One day we were unknown and now we’re living the American dream.”
The duo, known as 2Cellos, will bring their energetic playing style and pop-infused chamber music to New York’s Le Poisson Rouge. They will also celebrate the U.S. release of their self-titled CD. The 12 cuts are covers of radio-friendly songs that may make many classical purists shudder. They include Guns N’ Roses’ “Welcome to the Jungle,” “Where the Streets Have No Name” by U2, Nirvana’s “Teen Spirit” and “Use Somebody” by Kings of Leon.
Like other kids in Croatia, Hauser said he and his partner, 23, grew up worshiping pop and rock gods such as Jackson, Sting and Bono. Embracing classical music doesn’t mean forsaking other genres.
“Classical music is not so popular, unfortunately, and what we’re doing is bringing classical music to a younger audience,” Hauser said.
The pair have also made a video of “Welcome to the Jungle,” which has lured more than 1.6 million viewers on YouTube. The melodic sound of the cello is prevalent, but the duo plays with a headbanger’s fervor.
“We are both very intense cellists, and we play with power,” said Hauser, the winner of 21 international and national prizes. “We are like animals on the cello. We break the strings and the bows when we play.”
Hauser grew up in the city of Pula, and Sulic was raised in Slovenia. Sulic went to London’s Royal Academy of Music, while Hauser enrolled in Manchester’s Royal Northern College of Music, where he was the last student of Russian cello legend Mstislav Rostropovich before he died in 2007.
The two met in a master class in Croatia. While it was natural to perform the classics, they decided to play duets of their favorite rock and pop songs as well.
Hauser once performed for Prince Charles at Buckingham Palace. Now he and Sulic play with Elton John in front of thousands. They have toured this month with him in Europe and will rejoin him in the fall for shows in the U.S., Brazil, Russia and Australia.
“We perform in front of all sorts of people, and there are a lot of screaming girls, and that’s the best part,” Hauser said.



Elton John tickets crashed Sydney network

Posted: Jul 31, 2011 12:29 PM AT

Last Updated: Jul 31, 2011 12:29 PM AT

  http://www.cbc.ca/gfx/images/news/topstories/2011/07/21/ns-si-sydneyelton.jpg
Fans began lining up outside Centre 200 two days before tickets went on sale. CBC

The ticket vendor behind the upcoming Elton John concert in Sydney says it has more information about why some people were charged for tickets they never received.
In a media release issued Saturday night, Centre 200 claims its computer network was overloaded when tickets went on sale July 22 and the system blocked internet traffic and closed some ordering sessions.
The media release made no mention of how much money was taken from customers.
It's estimated Centre 200 is dealing with about 1,000 complaints as result of the computer error.
Some people claim their credit cards were charged even though they didn't get tickets for the Sept. 13 show. Others say they bought tickets but never received them.
Mathew Campbell couldn't get tickets when the online ticket system crashed last Friday. On the ninth attempt he found out the show was sold out.
Campbell later discovered that his credit card had been charged $651 for four tickets. When he called Centre 200 he was told they didn't have any tickets for him.
"It's a flawed system and it's not being run efficiently," Campbell told CBC News last week.
Officials say anyone who paid for tickets but didn't get them can expect a refund.

sexta-feira, 29 de julho de 2011

ELTON JOHN BIOGRAFIA CAPÍTULO 021





A Trajetória do cantor Britânico Elton John e seu letrista Bernie Taupin
ao longo de 06 Décadas, através de imagens, áudios, vídeos, textos e animações.

ELTON JOHN BIOGRAFIA CAPÍTULO 021

ROCKET RECORDS









À noite, mais tranqüilos, Elton , Dee Murray, Nigel Olsson , Davey Johnstone, John Reid, Gus Dudgeon e Bernie enquanto saborevam o vinho que o Chateau produzia falaram em um assunto que estava preocupando Elton faz tempo: o álbum que DAVEY JOHNSTONE pretendia gravar e lançar.



- John (Reid), você poderia ver isso para a gente, não poderia? Você entende mais do que a gente sobre isso. Não seria justo entregar um material tão bom quanto a do Davey  para uma companhia de beira de estrada... tem que ser algo que valha a pena, algo decente.



- Já Estou fazendo isso há meses, Elton. É difícil conseguir uma grvadora que aceite um novato... uma gravadora decente.

- Mas lê não é um novato.

- Em gravação sim, concordou Davey. Eu sabia que ia enfrentar isso.
 




O grupo não desejava levar Davey a enfrentar as barreiras impostas por Dick James, sabiam  dos  obstáculos impostos pelo empresário.





- Mas alguém tem que começar a dar valor a coisas novas. Você vai ser novato a vida inteira se não começar de algum lugar. O Steve é bom nessas coisas, me tirou da lona... Você precisa de um Steve Brown dentro de alguma maldita companhia de discos em algum lugar no mundo...





-  Podíamos nos tornar um Steve Brown para Davey..., disse Gus  Dudgeon


- Tive uma idéia, disse Elton... enquanto tomava um gole de vinho...poderiamos  lançar nosso próprio selo...





- Pronto... não sabe beber... começou a fazer efeito, disse Bernie.


- Estou falando sério... a gente poderia começar nosso próprio selo.





Mil olhares são trocados.





- Ninguém vai dizer nada?





- Isso leva tempo, advertiu Reid.


-  Mais tempo do que já levou, impossível... já que não temos um STEVE BROWN , vamos gerar um: nós mesmos.





NESSE MOMENTO ESTARIA NASCENDO A GRAVADORA CHAMADA NO FUTURO DE “ROCKET RECORDS”




De manhã GUS DUDGEON veio ao grupo e  disse:





-Acabei de falar com o Dick James...


- Foi contar pra ele que...


- Não falei nada, cortou Gus. Ele ligou e quer falar com você.


- No telefone?


- Não, pessoalmente.


- Ta brincando, que diabo ele quer?


- Ele Não  quer lançar CROCODILLE ROCK como compacto.







Elton engoliu um  palavrão e levantou-se irritado. Foi até o primeiro telefone que encontrou.. logo estava de volta.





- Reid, você toma conta de causas criminais?


- Por que?


- Vou matar um empresário inglês famoso..







A banda toda voltou para a Inglaterra e Elton foi ao escritório de Dick James.





Dick James sempre foi teimoso e Elton não ficava atrás. O empresário já estava guardando muita coisa para dizer desde que soube que Elton gravou o disco doente.







-  Você está passando dos limite, DJ
- Eu? Eu estou passando dos limite? Você fez tudo que quis o tempo inteiro. Por pouco não me fez pagar uma ambulância para levar você direto para um hospital. Teimou em gravar um disco com a garganta inflamada, colocando em risco todo dinheiro que gastei na elaboração desse álbum, e eu não disse nada... deixei você fazer tudo que queria e não disse nada para não ter que agüentar seu mau humor. Agora é a minha vez de dizer o que quero que faça: Não vou lançar CROCODILLE ROCK como compacto...

- Faz isso apenas para me contradizer, então lance DANIEL

- Gosto dessa mas não tem pique para compacto...

- Então quer que eu faça o que? Quer que eu volte para o Strawberry e grave outro disco?

- Vou pensar no assunto... disse Dick, sentando-se.

- Ou você lança uma das duas canções ou está declarada guerra!



- Pois quem declara guerra sou eu! Rebateu Dick , erguendo-se novamente. Você quer tomar decisões sozinho não quer? Então pague  o álbum, responsabilize-se  por ele e acabou!




- Você não teria coragem!

- Você quer fazer as coisas a seu modo, como se fosse dono da minha gravadora, então custeie tudo. Já deixei nascer cabelos brancos demais na minha cabeça por sua causa...



- E encheu os bolsos também...



Dick fuzilou Elton com os olhos e disse:



- Vai pro inferno!



Elton deu as costas e saiu do escritório. Aquela discussão fez com que ficassem sem se falar por um bom tempo.

Elton John teve que pagar todas as despesas do lançamento do álbum DON´T SHOOT ME I´M ONLY THE PIANO PLAYER, mas ficou satisfeito pois lançou as canções que queria  DANIEL e CROCODILLE ROCK como compactos. A primeira pois achava que seria um grande sucesso e a segunda por afeição , nascida nas gravações e porque queria colocar à prova um tabu que o perseguia desde o inicio da carreira:

Um álbum seu nunca fazia sucesso caso ele estivesse no seu país... as coisas somente aconteciam caso os Estados Unidos dessem uma força, ou seja: se fosse primeiro sucesso na América.

DANIEL deveria quebrar esse tabu..e conseguiu.

Elton foi para Malibu, satisfeito.

ANODIAMÊSACONTECIMENTO
1973Durante tour norte americana Elton se apresenta no ARROW HEAD STADIUM , em Kansas City, em seu maior show até então: 28 mil pessoas.
Primeiro disco da ROCKET RECORDS lançado: "SMILE FACES" de Davey Johnstone  clique aqui para maiores detalhes.
LP - Smiling Face - Davey Johnstone
Rocket ROLA 2 (PIGL 2)
  • #Keep Right On
    • Elton John:toca Orgão
       


Elton renova contrato com a DICK JAMES MUSIC até 1976
Primeiro compacto da Rocket lançado na Inglaterra: "AMOURESE" com KIKI DEE (música de Elton John e Bernie Taupin)
Conhece GARY OSBOURNE - que fez as letras do disco A SINGLE MAN em 1978
Alguns artistas lançados pela ROCKET esse ano:
  • DAVEY JOHNSTONE
  • LONGDANCER (grupo)
  • MIKE SILVER
  • NEIL SEDAKA, com o disco "SEDAKA´S BACK"

janeiroElton John, Bernie Taupin e grupo vão para a Jamaica, onde Elton cria 22 canções e as ensaia no DYNAMIC SOUND STUDIO em KINGSTON.
13janeiroElton vai ao show de ERIC CLAPTON no Rainbow Theatre, Londres
20janeiroLançamento do compacto na Inglaterra:DJM DJS 275 (POSIÇÃO MÁXIMA: 4º LUGAR;NAS PARADAS POR 10 SEMANAS)
  1. Daniel (3:52)
  2. Skyline Pigeon [Versão 2 - a versão consagrada no Brasil] (3:45)
Elton John: "Dick James me disse que não quer outro compacto lançado que tire as vendas do novo disco, então eu fui mais ou menos forçado por ele a não lançar o compacto antes. Ele estava enganado, então eu paguei toda a publicidade, mas ele disse que me reembolsaria caso o compacto chegasse entre os 10 mais da parada,isso não foi bacana?"
nota: novamente Paul Maclauchlan inseriu uma data (dia 10) diferente do livro "A COMPLETE  DISCOGRAPHY", ao qual me baseio para esta formatação para o lançamento desse compacto.
show nos Estados Unidos Carnegie Hall, New York City NY
22janeirolançamento do LP Nos Estados Unidos: DON'T SHOOT ME I'M ONLY THE PIANO PLAYER
MCA 2100
Posição máxima: 1º lugar
DANIEL (3:52)
Teacher I Need You (4:08)
ELDERBERRY WINE (3:34)
Blues For My Baby And Me (5:38)
Midnight Creeper (3:53)
Have Mercy On The Criminal (5:55)
I'm Gonna Be A Teenage Idol (3:55)
Texan Love Song (3:33)
CROCODILE ROCK (3:56)
High Flying Bird (4:10)


cartaz  propaganda
26janeiroLançamento do disco na Inglaterra: DON'T SHOOT ME I'M ONLY THE PIANO PLAYER
DJM DJLPH 427 Primeiro lugar - 42 semanas nas paradas
janeiroShow no teatro Dusty Springfield
fevereiroCompacto "DANIEL/SKYLINE PIGEON" chega em 4º lugar na Inglaterra e Album DON'T SHOOT ME I'M ONLY THE PIANO PLAYER chega em 1º lugar.Inicio da entrevista com Paul Gambaccini no livro "A CONVERSATION WITH ELTON JOHN AND BERNIE TAUPIN"




Paul Gambaccini
 capa do livro versão 1

03fevereiroJornal britânico:Melody Maker
Página inteira de publicidade anuncia a Rocket Record Company. A empesa é formada pela sociedade de Elton JohnBernie TaupinGus DudgeonJohn Reid e Steve Brown.
20fevereiroEntrevista para tv Britânica: TV - The Old Grey Whistle Test.
Em uma entrevista com Bob HarrisElton John diz, "Sei que não tenho uma boa imagem para o rock and roll e provavelmente fujo dos padrões em minhas musicas. A maior parte de minha indumentária é somente para divertir."
25fevereiroaté 27 de março19 shows em tour Inglesa.  Elton John (piano), Dee Murray (baixo), Davey Johnstone (guitarra) and Nigel Olsson (bateria). Na One Venue, ficam detidos em um edificio por uma hora após show por uma multidão de fãs.
Show na Escócia:  Greens Playhouse, Glasgow
28fevereiroBirmingham Town Hall, Birmingham
01marçoDe Montfort Hall, Leicester
02marçoLiverpool Empire, Liverpool
03marçoLiverpool Empire, Liverpool
06marçoGuildhall, Preston
07marçoCity Hall, Newcastle Upon Tyne O promoter do show torce o tornozelo ao manter os fãs fora da baía do palco.
09marçoCity Hall, Sheffield
10marçoLeeds University, Leeds
11marçoLeeds University, Leeds
15marçoColston Hall, Bristol
16marçoThe Dome, Brighton
17marçoCapa da revista americana Cashbox
show: Winter Gardens, Bournemouth
18marçoGuildhall, Southampton
22marçoSundown Theatre, Mile End Road
23marçoSundown Theatre, EdmontonRod Stewart presenteia no palco Elton John com um bouquet de flores como presente de seu aniversário, dia 25
24marçoSundown Theatre, Brixton  
25marçoCoventry Theatre, Coventryatenção: Controvérsia de datas:
No livro A BIOGRAPHY IN WORDS AND PICTURES BY GREG SHAW cita que nesta data Elton passou seu aniversário no rio THAMES nos Estados Unidos, enquanto Cornflakes & Classics cita esta data como tour.
Cito , neste mês, entrada de RAY COOPER para o grupo.



26marçoLançamento do compacto nos Estados Unidos:MCA 40046 (Posição máxima: 1º lugar , por 01 semana; 15 semanas nas paradas)
  1. DANIEL
  2. SKYLINE PIGEON [VERSÃO CONSAGRADA NO BRASIL]
 Propaganda da canção.
Note que SKYLINE PIGEON foi apenas um lado B no mundo. No Brasil a sua distribuidora, a RGE FERMATA a lançou numa série de compactos FOUR TOP OF THE POPS, com 04 faixas de artistas diferentes, entre as mesmas. SKYLINE PIGEON virou febre, um hino nacional.
Show: Hard Rock, Manchester
27marçoHard Rock, Manchester  Último show desta tour.
31marçoJornal britânico MELODY MAKER cita que Elton John agora é um ídolo adolescente , e cita a histeria em suas apresentações.
abril
Elton é capa da revista americana: CIRCUS
Lançamento do LP de KIKI DEE nos Estados Unidos, tendo Elton John como co-produtor:
LOVING & FREE
MCA 395
  1. #Loving And Free
  2. #If It Rains
    • [Elton: electric piano]
  3. #Lonnie And Josie
    • [Elton: piano, mellotron]
  4. #Travellin' In Style
  5. #You Put Something Better Inside Me
    • [Elton: mellotron]
  6. #Supercool
    • [Elton: piano]
  7. #Rest My Head
    • [Elton: electric piano, organ, backing vocals]
  8. #Amoureuse
  9. #Song For Adam
    • [Elton: electric piano]
  10. #Sugar On The Floor
    • [Elton: electric piano, mellotron]
07abrilcito este dia para lançamento da ROCKET RECORDS na Inglaterra - Robson
11abril7 shows na Italia. Kiki Dee nos backup vocals.Palasport, Naples
12abrilPalasport, Rome
14abrilBologna
15
ou 16
abrilStadio, Florence
18abrilTurin
19abrilPalasport, Genoa
?abrilVelodromo Vigorelli, Milan
06maioEntrevista para documentário para rádio BBC - Inglaterra: RADIO - The Rolling Stones Story (BBC1)
27maioShow: Cafe Royal, Regent Street London
Elton John assiste a um show do grupo de Paul Maccartney Wings no Hammersmith Odeon e depois vai ao "End Of The UK Tour" festa de recepção do show em Regent Street, Londres. Paul McCartney faz um show de improviso alternando entre guitarra e bateria, enquanto Eltonacompanha no piano.
maioElton John e grupo vão para a França e gravam no Strawberry Studios as canções que compõem o LP DUPLO GOODBYE YELLOW BRICK ROAD. MAIS AS CANÇÕES:Jack Rabbit
Whenever You're Ready
Screw You

Todo esse trabalho foi realizado em apenas 15 dias !!!!
junhoVolta para a Inglaterra.Recepção para o lançamento da ROCKET RECORDS na Inglaterra (data entre final de maio e inicio de junho - Robson)
   



Fotos do Lançamento da Rocket Records


Vai para os Estados Unidos.
29junho

Lançamento do compacto na Inglaterra

DJM DJX 502 (posição máxima 7ºlugar; 9semanas nas paradas)
  1. Saturday Night's All Right For Fighting (4:55)
  2. Jack Rabbit (1:50)
  3. Whenever You're Ready (We'll Go Steady Again) (2:50)
03julhoLançamento da ROCKET RECORDS nos Estados Unidos, em BERVELY HILLS.
16julhoLançamento do compacto nos Estados Unidos:MCA 40105 (posição máxima 12º lugar ; 12 semanas nas paradas)
  1. SATURDAY NIGHT'S ALL RIGHT FOR FIGHTING
  2. JACK RABBIT
  3. WHENEVER YOU'RE READY (WE'LL GO STEADY AGAIN)
julhosegue para o Canadá
28julhoEntrevista para ROGER SCOTT na CJOM FM em WINDSOR, Ontário, canadá: The Elton John Story parte 01
29julhoParte 02 do documentário, acima.
agostocompacto SATURDAY NIGHT'S ALL RIGHT FOR FIGHTING  chega a 7º lugar na Inglaterra.
08agostoENTREVISTA em documentário na Inglaterra exibido, onde Elton é entrevistado: The Beatles Story
A entrevista pode ter sido gravada
15agostoReinicio da tour norte americanaDivergência de datas:
CornFlakes&classics  cita esta data como inicio da tour norte americana, indo até dia 21 de outubroElton John bate o recorde de Elvis Presley. Durante parada em Atlanta t, Elton John e Iggy Pop fazem um show de improviso no club: Richard's.
show em Mobile AL
16agostoElton John aparece na capa da revista ROLLING STONES . Paul Gambaccini entrevista Elton John e Bernie Taupin.


Malibu fez bem para Elton, Bernie e Maxine. Eles alugaram uma mansão que recebeu ilustres  convidados como Grouxo  Marx e Bryan Forbes, que surpreendeu o próprio Elton ao aceitarem o convite para jantar.





Grouxo Marx

Grouxo sempre foi um dos grandes ídolos de Elton e sua presença deslumbrou o cantor, que não mediu esforços para agradá-lo.



Naquela noite sugeriram que Elton ligasse a lareira, pois Grouxo, por ser um homem de idade poderia gostar, e ele o fez.



Outra curiosidade foi que o velhinho só conseguia chamá-lo de JOHN ELTON , alegando que o nome ELTON JOHN estava ao contrário e não adiantava o próprio Elton o corrigi-lo, de vez em quando, Grouxo passou a noite inteira o chamando assim.


Bryan Forbes estava pretendendo filmar um documentário com ele e Bernie, chegando a passar alguns dias com eles na mansão, onde filmou tapes. Mas nem tudo eram filmagens. Bryan uniu-se aos dois em um hábito antigo: fazer compras. A diversão maior era voltarem para casa com malas cheias de comporás, mesmo os donos das lojas se assustavam com tamanha extravagância.

 http://en.wikipedia.org/wiki/Bryan_Forbes



Naquela ocasião voltaram para a Inglaterra com nada menos de que 67 maletas e foram necessários  1000 libras  para liberarem da alfândega.



Mas não era apenas Elton John que abusava do direito de fazer tudo que vinha à cabeça Bernie Taupin também colocava seus planos em prática.



Com algum material já composto anteriormente, Bernie transformou suas poesias em disco, mas sem a participação da voz de Elton.


capa do LP

Reuniu  alguns músicos da DJM , inclusive Davey, suas letras e fez um disco onde declamou suas letras (não cantou, recitou as letras, narrativamente)  com fundo musical, dezesseis delas. O álbum chamado simplesmente de TAUPIN segundo ele mesmo não foi feito para o público, mas como satisfação pessoal. Gostou de realizar o trabalho mas o esqueceu logo depois... coisas de poeta.



Alem disso produziu o disco de DAVID ACKLES  AMERICAN GOTIC e começou a idealizar um livro de ficção.



No próximo capítulo

"A TRANSFORMAÇÃO"




Elton John se torna superstar e muda completamente seu visual e estilo musical.


Elton se torna o mago do Pinball no filme "Tommy"

Drogas Sexo e Rock´Roll no próximo capítulo 







Menu dos Capítulos

Capítulo 01 clique aqui  Prefácio Pinner
Capítulo 02 clique aqui  Nasce Elton John
Capítulo 03 clique aqui  Nasce Bernie Taupin
Capítulo 04 clique aqui  O vaqueiro Sujo
Capítulo 05 clique aqui  Bitter Fingers ( Bluesology)
Capítulo 06 clique aqui  SURGE LONG JOHN BALDRY
Capítulo 07 clique aqui  O encontro com Bernie Taupin 
Capítulo 08 clique aqui  Torre de Babel
Capítulo 09 clique aqui  Alguém salvou minha vida essa noite
Capítulo 13 clique aqui  Elton encontra o sucesso
Capítulo 16 clique aqui  Surge Davey Johnstone
Capítulo 17 clique aqui  Madman Across The Water
Capítulo 18 clique aqui  Château D´Hierouville
Capítulo 19 clique aqui  HONKY CHATEAU 
Capítulo 20 clique aqui  Não atire em mim sou apenas o pianista
Capítulo 21 clique aqui  Rocket Records

Deseja ser avisado dos novos capítulos via e-mail? escreva para editor@eltonjohnscorporation.com e solicite o alerta para BIOGRAFIA

Second Elton John show sells out in 90 minutes

Second Elton John show sells out in 90 minutes

http://www.journalpioneer.com/News/Local/2011-07-29/article-2683674/Second-Elton-John-show-sells-out-in-90-minutes-/1

Those waiting to purchase Elton John tickets Friday at Credit Union Place weren't banking solely on their place in the box office lineup. Nicole Leblanc of Moncton, N.B., employed two cell phones while waiting to move to the front of the line, while many others used laptop computers or tablets. Stephen Brun/Journal Pioneer
Those waiting to purchase Elton John tickets Friday at Credit Union Place weren't banking solely on their place in the box office lineup. Nicole Leblanc of Moncton, N.B., employed two cell phones while waiting to move to the front of the line, while...
Published on July 29, 201
SUMMERSIDE - Not many were "still standing" in line at Credit Union Place by the time Elton John's second Summerside performance sold out yesterday morning.
The show sold out 91 minutes after tickets went on sale at 10 a.m. Friday, and only 11 people were left disappointed in the box office lineup.
While several began camping out at the arena Wednesday to secure their spot in line, some like Amanda MacLeod arrived about 10 minutes before tickets went on sale Friday.
"I have no hopes, I'm just going to see how it turns out," said the Cape Breton native, who was the 145th person in the lineup.
"I tried the online thing (for the Cape Breton show last week) and I lost my faith in technology."
Many others were disappointed one week ago when the 5,400 tickets for the Sept. 14 show sold out in less than two hours.
Credit Union Place staff worked throughout the week to improve the city's Internet servers after numerous complaints about the online box office.
Event development officer JP Desrosiers said the ticketing website saw a peak of 23,000 hits yesterday.
"Our system is designed more for 8,000 to 10,000 (visitors), so anything beyond that and people were getting page errors," Desrosiers said. "So I understand people's frustrations with the 'page can not be displayed' messages, but if you appreciate the sheer volume of people trying to get tickets, we're quite pleased with how it went."
The 11 people left in the box office lineup who didn't secure tickets were put on a list, along with some 400 others from last week, in the event additional tickets become available.
Desrosiers said those extra seats can come from areas called "technical kills," which are marked off for the concert promoter's audio and video equipment.
While the mood at the box office last week was mostly festive, it seemed people on Friday were more aware of the purchasing difficulties.
Gail Feehan of Charlottetown was number 148 in the lineup last week. This time, she arrived at the venue Wednesday evening and was number 17.
"People were more tense this time. I think they knew last week that the tickets sold out around the 100 mark, so they were quite anxious as to where they were in the line," Feehan said, clutching her eight tickets. "I can not believe it. When I see (the tickets) it makes me cry."
Desrosiers suspected that some may have encountered the same online or telephone problems Friday as they did last week, but he said the purchasing system seemed to work slightly better on all fronts.
"It's pretty amazing that in Summerside, P.E.I., we're doing Elton John twice," he said. "We have the facility that can manage it and we hope to do more events similar in size to this one."
As for MacLeod, who was wary about her 145th placement in the lineup at 10 a.m., she did manage to walk away with her tickets.
"Thank God," she said. "Now I just have to drive back to Cape Breton."
sbrun@journalpioneer.com
http://www.theguardian.pe.ca/media/photos/unis/2011/07/29/photo_1796110_resize.jpg




2nd Elton John show sells out

Posted: Jul 29, 2011 2:53 PM AT

Last Updated: Jul 29, 2011 2:53 PM AT

Elton John's second Summerside, P.E.I., show sold out in about 90 minutes.

Elton John's second Summerside, P.E.I., show sold out in about 90 minutes.
Jacques Boissinot/The Canadian Press
Tickets for the second Elton John concert in Summerside sold out in about 90 minutes Friday morning.
There were familiar complaints from ticket buyers who tried to buy online, similar to those who tried to purchase tickets for the Sept. 14 show.
The previous Friday, the system was overwhelmed by more than 20,000 people vying for 5,400 seats at once.
Officials from Credit Union Place expected issues again.
Many people didn't take any chances with the internet. They were already lined up last night. At least two sisters in the line-up had been camped out since Wednesday. About 140 of those in line did get tickets.
Some buyers said the website appeared so overwhelmed it would boot them off in the middle of their purchase.
Event manager J.P. Desrosiers said software experts worked all week to try to ensure the credit cards of unsuccessful buyers wouldn't be charged, but he could not make a personal guarantee. A third-party company manages the ticket system.

Versão 3D do filme O Rei Leão chega aos cinemas brasileiros no dia 26 de agosto

Vídeo: Nicola Roberts canta "Your Song", clássico do Elton John

http://popline.mtv.uol.com.br/wp-content/images/nicola-roberts.jpg

http://popline.mtv.uol.com.br/video-nicola-roberts-canta-your-song-classico-do-elton-john
Continuando em sua estratégia promocional, Nicola Roberts compareceu ao programa "Tonight's The Night", da televisão britânica e cantou seu aclamado, mas não tão bem sucedido nas paradas de sucesso, primeiro single solo, "Beat Of My Drum".
Para completar sua participação no programa, a integrante do Girls Aloud cantou um dos maiores clássicos de seu compatriota Elton John, "Your Song", ao lado da pequena descoberta da música no Reino Unido, Leah Colebrooke, de apenas 10 anos de idade. Assista:


Versão 3D do filme O Rei Leão chega aos cinemas brasileiros no dia 26 de agosto






http://gublack.files.wordpress.com/2010/02/31c2aa-postagem-o-rei-leao.jpg
Redação do DIARIODEPERNAMBUCO.COM.BR
28/07/2011 | 09h48 | Disney

Disney/ Divulgação

Para quem tem mais de 30 anos, a notícia pode provocar certa preocupação: O rei leão, que estreou nos cinemas não faz tanto tempo (em 1994, precisamente), já faz por merecer um adjetivo retumbante. É um clássico — pelo menos, e acima de tudo, na avaliação da Disney, que trata o filme como símbolo de uma época. Para azar dos espectadores que já se sentem enferrujados, o estúdio tem razão. No cinema, poucas técnicas sofreram mudanças tão profundas quanto a animação. O arranque da tecnologia digital sufocou em poeira os desenhos “tradicionais”, criados à mão. É por isso que, no reino de Shrek e de Nemo, O rei leão pode ser tomado, sim, como uma espécie de relíquia.
É esse clima de matinê “à moda antiga” que a Disney tenta atualizar em 2011, com o lançamento da versão 3D da animação que venceu dois Oscar (melhor música e canção). Com estreia brasileira prevista para 26 de agosto, o longa-metragem volta às telas após uma recauchutagem visual que, segundo a Disney, vai surpreender o público acostumado às firulas tridimensionais. “Na conversão para o 3D, usamos uma técnica sofisticada de profundidade. O público vai realmente sentir como se estivesse entrando no filme. O som também pula da tela e invade a sala de projeção”, promete o produtor Don Hahn, em entrevista ao Correio.
Indicado ao Oscar de melhor filme por A bela e a fera (1991), Hahn admite que não é fã dos novos sucessos de animação. Gostou de Toy story 3, mas sempre encontra uma oportunidade para elogiar os traços sutis do japonês Hayao Miyazaki, de A viagem de Chihiro. É um assunto delicado — uma vez que a Disney comprou a Pixar, gigante no mercado dos desenhos computadorizados. Desviando de polêmicas, portanto, Hahn comenta que os novos criadores do ramo não pensam de forma tão diferente da que pensavam os técnicos e desenhistas dos anos 1990: o mais importante é contar uma boa história. E isso, sabe-se, O rei leão tem.
“Há muitos filmes interessantes na animação em cartaz. Mas, quando converso com a geração mais nova de técnicos, noto que tudo se resume a uma questão de roteiro e personagens. Histórias como as de O rei leão, com emoções fortes e humanas, vão sempre vencer no final”, afirma o produtor, 56 anos. A popularidade do longa, ainda líder de bilheteria entre as animações em 2D, também pesou na estratégia de relançamento. O trabalho, no entanto, ficaria ainda mais complicado se o filme não tivesse sido armazenado em arquivos digitais. “A ideia de relançar O rei leão fazia muito sentido porque era fácil recuperar as imagens. Além disso, a equipe que trabalhou no filme estava disponível para nos orientar durante o processo”, explica.

Sutil transcrição
Traduzir o desenho original na versão high-tech envolveu boa parte dos desenhistas que desenvolveram o projeto original — entre eles, os diretores Roger Allers e Rob Minkoff. “Foi um filme de equipe”, lembra. “O rei leão me ensinou que um ótimo time de roteiristas e artistas pode transformar uma história difícil em algo que é único, especial. Também aprendi muito sobre o poder da música. Se você coloca Hans Zimmer e Elton John num estúdio, algo mágico acontece. O trabalho deles elevou o filme: de alegoria, se transformou numa ópera africana. A música pode expressar emoções complexas que eu não conseguiria retratar de outra forma”, observa o produtor, que hoje trabalha com Tim Burton na animação stop-motion Frankenweenie.
Na época da produção, as ideias do filme pareciam complicadas demais para agradar ao público juvenil. Combinar cultura africana, Hamlet e histórias bíblicas parecia, para os chefões da Disney, uma extravagância — eles preferiam apostar em Pocahontas. Mas a ascensão de Simba se tornou um dos longas mais elogiados do estúdio, com faturamento de US$ 783 milhões no mundo todo. “O passe de mágica é que O rei leão é fortemente enraizado em emoções humanas, especialmente no relacionamento entre pais e filhos. Ao usar animais para contar essa história, ele se transforma numa alegoria profunda”, explica.
A temporada nos cinemas será apenas a primeira etapa do novo reinado do filme, que será lançado em Blu-ray numa versão “diamante”, com retoques nas imagens e um pacote de extras que inclui erros de gravação. Nenhuma cena ou canção, contudo, será incluída. “Nosso único objetivo era preservar o conceito do filme”, explica o produtor. Isto é: os rugidos agora soam mais potentes, é claro, mas para que atualizar emoções que não envelheceram?
Por Tiago Faria, do Correio Braziliense



Acontece Curitiba leva voce ao Elton John versão nacional

http://www.acontececuritiba.com.br/index.php?option=com_content&view=article&id=3808:acontece-curitiba-leva-voce-ao-elton-john-versao-nacional&catid=52:ingressos&Itemid=80

Ter, 19 de Julho de 2011 14:27 EquipeAcontececuritiba

Imperdivel...tenho o Cd dele no carro e é impressionante a semelhança até mesmo na voz com o cantor.Duvida? ahahhhh...o Acontece Curitiba vai levar 2 pessoas para tirarem a prova...envie um email para producao@acontececuritiba.com.br e conte um pouco de algo que envolva alguma canção de Elton John.Boa sorte!
Todos os detalhes são importantes para o maestro paulista Rogério Martins. Do calçado feito na medida certa para que fique com a mesma estatura do cantor inglês Elton John, com direito a trejeitos, falas originais, à famosa sobrancelha levantada apenas de um lado aos figurinos importados de Las Vegas (EUA), nada escapa ao crivo do cover de um dos maiores astros da música mundial. E é com a estrutura de um grande musical que o espetáculo "Rocket Man - Tributo a Elton John", chega a Curitiba no próximo dia 30 de julho. Com assinatura da Prime, a apresentação inédita acontece no Grande Auditório do Teatro Positivo (R: Pedro Viriato Parigot de Souza, 5.300) às 21h15.


A montagem é a única licenciada pela editora e gravadora do artista britânico, com autorização para gravar e comercializar sua obra. "São 20 anos de pesquisa. São tantos detalhes que eu posso dizer que é um trabalho teatral", explica Rogério, que apesar de dar vida ao Elton John brasileiro há duas décadas, somente há três anos profissionalizou o show. O pianista ficou conhecido em 2008, depois de ser finalista de um concurso de covers do "Domingão do Faustão".


Com bastante experiência em produções musicais, o maestro executa muito bem tanto as baladas românticas quanto as músicas mais agitadas da carreira do artista. Canções como “Skyline Pigeon”, “Nikita”, “Your Song”, “Good Yellow Brick Road”, “Sacrifice”, entre outros hits, podem ser conferidos na apresentação que conta com uma banda, backing vocals e uma orquestra. "A gente foca nas músicas que marcaram época, já que o repertório dele é muito extenso", afirma.


Dos mesmos produtores de “All You Need Is Love e Orquestra” – o maior espetáculo beatle do mundo, “Rocket Man” é uma reverência a Elton John.


Os ingressos já estão à venda no Disk Ingressos (Quiosques instalados nos shoppings Estação, Mueller e Total, (41) 3315-0808 ou www.diskingressos.com.br) e na bilheteria do teatro, das 9 às 21hs. Os valores são plateia inferior (filas 01 a 15) - R$ 134,00 (inteira) e R$ 69,00 (meia-entrada) e plateia superior (filas 16 a 28) - R$ 104,00 (inteira) e R$ 54,00 (meia-entrada). A meia-entrada é para estudantes, maiores de 60 anos, professores, deficientes físicos e doadores de sangue com carteira comprobatória. **Taxa de conveniência do Disk-Ingressos já está inclusa no valor do ingresso. É obrigatória a apresentação de documento previsto em lei que comprove a condição do beneficiário na compra do ingresso e na entrada do teatro.


SERVIÇO:
ROCKET MAN – TRIBUTO A ELTON JOHN
Data:
30 de julho de 2011 (Sábado)

Local: Teatro Positivo – Grande Auditório (R. Pedro Viriato Parigot de Souza, 5.300) .
Horários: abertura do teatro – 20hs / Início do show: 21h15
Tempo do Espetáculo: 90 minutos

Ingressos
Valores: plateia inferior (filas 01 a 15) - R$ 134,00 (inteira) e R$ 69,00 (meia-entrada) e plateia superior (filas 16 a 28) - R$ 104,00 (inteira) e R$ 54,00 (meia-entrada). A meia-entrada é para estudantes, maiores de 60 anos, professores, deficientes físicos e doadores de sangue com carteira comprobatória. É obrigatória a apresentação de documento previsto em lei que comprove a condição do beneficiário).*** Taxa de conveniência do Disk-Ingressos já está inclusa no valor do ingresso.
Forma de Pagamento: dinheiro e cartões de débito e crédito somente para o vencimento – Visa/Mastercard
Pontos de Venda: Disk Ingressos - (41) 3315-0808, Internet www.diskingressos.com.br, quiosques instalados nos shoppings Mueller , Estação e Total, e na bilheteria do teatro, das 9 às 21 hrs***Entrega a domicílio.
Classificação etária: 16 anos
Informações p/ o público: (41) 33150808 / 33173107 / www.maisumadaprime.com.br
Realização: Prime

feed ejc

feed ejc
http://feeds.feedburner.com/EltonJohnsCorporation

map visitors


Elton John´s Pics